quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Mini Imagine com Harry Styles



Nota da autora: Os imagines aqui produzidos são de extrema autoria. Nenhum deles foram frutos de plágio. Os personagens contidos na história são fictícios e as ações e situações não aconteceram de verdade. São feitos de fã para fã sem o objetivo de difamar a imagem do artista.



Para: Marina




¨ Marina P.O.V's ¨

 Hoje é meu primeiro dia na escola depois da bela suspensão que eu levei por ter armado um barraco com meu maior arqui-inimigo: Harry Styles. Olha, eu quase arranquei aqueles cachinhos fedidos e queimei. Por pouca coisa. Pouca mesma. Se a diretora não tivesse aparecido eu acho que ele estaria careca. O motivo é que ele é o Harry Styles. Ele é metido, se acha popular... Na verdade são tantos motivos, que até o fato dele estar respirando me irrita e eu sinto algo diferente por ele. Bom, você deve estar totalmente perdido, mas meu nome é Marina, tenho 15 anos, amo o ator Logan Lerman e tenho uma quedinha pelo meu amigo Liam Payne, só que ninguém sabe, porque minha melhor amiga, Anne, gosta dele e... O resto você entende.
 20 minutos antes de bater o sinal para irmos embora, pulei uma carteira e sentei na cadeira que ficava do lado de Liam e Anne. Eles estavam rindo, até que Payne vira para o lado e pergunta para mim entre risos:
Liam: Marina, é sério, fala de quem a Anne gosta! -olhei para Anne que ria também, mas fazia com a cabeça que não era para falar.
Eu: Eu não posso falar.
Liam: Olha para mim -olhei para ele e desviei o olhar- é sério, olha nos meus olhos, pense no Logan Lerman e diz quem ela gosta! -olhei para seus olhos e eles brilhavam intensamente, provavelmente gostava de Anne, tipo, muito. Não vou negar que aquilo me matou por dentro.
Eu: Não posso falar, Liam. Agora eu tenho que ir, tchau Anne.
Sai dali quase correndo. Mas por que diabos eu estou fazendo isso? Correndo da realidade? Como eu sou tola. Por que amar ele doí tanto? Por que doí? Vê-lo sorrir, aquele olhar... Eu devia estar feliz por ele alegre em gostar dela. Isso me mata por dentro.
 Já estava correndo, sem querer me esbarro em alguém.
Eu: Me desculpa, me desculpa mesmo. -disse me desgrudando do peito, de fato, de um homem.
Xxxx: Hey tome mais cuidado! -reconhecia essa voz rouca, olhei para o seu rosto e ali estava, nada menos que Harry.
Liam: Ei, tchau, Marina! -disse ele passando por perto de mim. Olhei e acenei. Quando voltei meu olhar para Harry ele estava assim arfando por alguma coisa.
Eu: Por acaso você está cansado de alguma coisa? -disse impaciente.
Harry: Você nunca vai me entender, principalmente, quando eu fico assim perto de você.
Eu: Harry, para de ser babaca, vai ali com suas loiras.
Harry: Ah qual é? O que eu te fiz para você me odiar tanto assim?
Eu: Simplesmente nasceu.
Harry: Eu sei que você está assim comigo por causa daquele verão que eu te derrubei no lago e você quase morreu afogada. Eu me arrependo muito por ter feito aquilo, eu até nadei até você para te salvar!
Eu: Eu já te desculpei por isso.
Harry: Então por quê está assim comigo? O que eu te fiz?
Eu: Eu não vou dizer -desviei dele e fui andando, ele insistiu e segurou meu braço- ei, me solta.
Harry: Não, só se você dizer por quê está assim comigo.
Eu: Tá bom, mas anota, porque vai ser a primeira e última vez que eu falo isso. Bem, estou assim, porque você me lembra meu ex-namorado que morreu em um acidente de avião.
Harry: O que? Pera... deixa eu entender... Você me odeia por quê você lembra do seu ex-namorado, o Nicolas?
Eu: É sim. Você parece muito com ele e sempre que te vejo tenho vontade de morrer, por que eu me lembro exatamente que quando o acidente aconteceu, eu descobri que ele tinha me traído e também... tenho saudades, já que ele foi meu "primeiro amor".
Harry: Isso se torna tão infantil
Eu: Não é, você queria saber, não queria? Então agora me deixa em paz. -voltei a andar e ele continuou me seguindo.
Harry: Ei, Marina, mas eu não sou ele, eu sou diferente. -olhei para trás
Eu: Cabelos cacheados, olhos brilhantes quanto a constelação de Orion, sorriso irresistível e além do mais, popular e babaca igual. -sorri e continuei andando.
Harry: Eu não sou babaca.
Eu: Me dê uma razão para eu gostar de você -ordenei enquanto caminhava.
Harry: Eu te amo e isso já é o suficiente. -suspirei e olhei para trás.
Eu: Agora já pode para com suas gracinhas, eu sei que é mentira, assim como Nicolas fez comigo, não vou cair nessa mesma pegadinha!
Harry: Você me mata dizendo essas palavras, me faz sentir medíocre.
Aquela cena abalou minhas estruturas. Eu, eu tinha vontade de sair dali e abraçá-lo, sentir-lo, tê-lo para mim. Agora eu estou confusa, na mesma hora que eu gostava de Liam eu gosto de Harry. Só que eu não gosto do Liam da mesma forma que amo Styles.
Harry: Ei, você está me escutando?
Eu: E-eu estou desculpa... -respondi saindo do meu transe.
Harry: Marina, me dê uma chance -ele se aproximou e roçou seus lábios aos meus, assim abrindo um caminho para um beijo que me levou ao céu.


¨ Narradora P.O.V's ¨

Marina ainda ficou indecisa sobre seus sentimentos, ela estava confusa e ele apaixonado. O amor dele era tão grande que a convenceu e então começarão a namorar, assim como Anne e Liam. Foram tantas loucuras nesse romance que até fugiram juntos para a California e se perderam por lá.

- -                      - -                     - -                      - - 

Voltei, Zaynte. E não, eu não morri *u* ainda estou viva. Faz um tempinho também que não falo com a Leticia, não tenho notícias, mas ela está bem, eu sinto isso. Bom, espero que tenha gostado, Marina, sei que não foi exatamente com você queria mas era máximo que eu conseguir fazer hoje. Espero que tenha gostado... 

7 comentários:

  1. Muito obrigada mesmo

    bjs Marina

    ResponderExcluir
  2. Cara adorei, e ainda por cima meu nome é Marina *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, que foufa. Ainda bem que gostou, princesa :3
      - Nath

      Excluir
  3. Marina tbm é meu nome e eu amei o imagine .. Nina é meu apelido

    ResponderExcluir
  4. Faz um mini imagine pra mim tbm Nath?! pf

    ResponderExcluir